• Pedro Emerenciano Amaro

Vitória em equipe com Verstappen no volante, no GP de 70 anos da Fórmula 1

Impressiona o desempenho de Verstappen e da RBR no GP de 70 anos da Fórmula 1, um piloto que foi além dos limites do carro e uma equipe com uma estratégia perfeita para vencer os poderosos motores Mercedes.


A vitória de Verstappen

A vitória de Verstappen com seu carro da Red Bull, acaba com a sequência de vitórias da Mercedes nessa temporada. Esse GP tinha tudo encaminhado para uma nova vitória para a equipe alemã, principalmente por seus dois pilotos fazerem a primeira fila, mas não foi o que aconteceu. Logo no começo Verstappen me impressionou novamente, no dia anterior ele tinha ido para o treino classificatório com pneus duros, algo que me estranhou bastante. Já na corrida, ele era o único dos pilotos na frente a largar com pneu duro, sabíamos que ele teria que colocar outro composto de pneus, mas não sabíamos a quantidade de paradas. Diferentemente da semana passada onde os pilotos não quiseram parar duas vezes e muitos tiveram problema, eles não se prenderam a isso nesse GP. Logo na largada Verstappen atacou Hulkenberg como já imaginava e acelerou. Na volta 14 o Bottas parou e na 15 parou o Hamilton, Verstappen então assumiu a ponta com seus pneus duros. Com bolhas no pneu, Bottas teve que parar e Verstappen que estava na frente parou junto como estratégia, com isso Verstappen segurou Bottas atrás dele, Hamilton iria ter que parar novamente e isso aconteceu na volta 41, Verstappen então estava absoluto na frente, Hamilton ainda teve que ultrapassar Leclerc (que fez uma parada), quando chegou em Bottas demorou pra fazer a ultrapassagem e quando passou não teve tempo para passar Verstappen. Uma corrida feita em equipe e que me provou algo, sempre falam que Verstappen e Leclerc são as promessas pro futuro próximo da F1, mas Verstappen já é presente há umas 2 temporadas, pelo seu carro não conseguir dar mais sufoco no Lewis, ele não brigou pelo título, mas já tem capacidade.


Red Bull e seu trabalho em equipe

Já elogiei o trabalho em equipe da RBR, mas queria colocar mais alguns pontos. A RBR não é o melhor carro do grid, mas se tem algum que possa ganhar corridas além da Mercedes nessa temporada, é a RBR, pela sua história, seu carro que é um dos melhores e seu melhor piloto Verstappen. Vale ressaltar novamente a estratégia perfeita da equipe. Também vale falar sobre Albon, que ficou com a 5° colocação, uma posição que na minha opinião é muita boa, já que há diferença entre os carros da RBR e teve um momento onde ele teve que fazer uma corrida de recuperação, já que ele foi o primeiro a parar. Considero ele melhor piloto em comparação com Gasly, toda corrida tem essa comparação já que Gasly foi "rebaixado" dentro da RBR e foi para a Alpha Tauri, pela RBR considerar também o Albon melhor piloto. Pra quem não sabe, a Alpha tauri funciona como uma espécie de segunda equipe da RBR. Concluindo, creio que essa corrida irá dar as próximas corridas uma inspiração pra RBR superar a Mercedes, já que a equipe provou funcionar bem quando todos trabalham juntos.


Mercedes e seus pilotos


Essa vitória da RBR alerta a equipe Mercedes, acredito que é muito difícil tirar o título de construtores das mãos da Mercedes, mas essa vitória mostra que a equipe alemã não terá vida fácil em todas as corridas e que por mais que tenha o melhor piloto, ele não vai ganhar todas. Esperava mais dos dois pilotos da equipe, mas é verdade que os pneus foram o que mais atrapalhou. Mesmo assim a equipe conseguiu levar seus dois pilotos para o pódio que é muito importante, mas com toda certeza não será uma semana fácil para a equipe que vai se preparar o máximo para ganhar a próxima corrida. Hamilton conseguiu empatar com Schumacher em número de pódios na carreira e tudo indica que ainda fará vários outros.


A Racing Point se mostra poderosa e capaz

Por mais que o 6° lugar de Stroll e o 7° de Hulkenberg não seja surpresa para uma equipe como a Racing, vi muitas coisas positivas na equipe nesse GP, primeiro de tudo é a constância da equipe, ficando atrás somente da RBR e da Mercedes, além de Leclerc. Segundo é o bom final se semana de Hulkenberg que é piloto reserva e esses resultados afetam várias pessoas, Pérez que está com a Covid tem que se preocupar com o companheiro de equipe que pode ficar com seu lugar, mas principalmente em Vettel que tudo indica que seria o carro que o piloto deveria pilotar o ano que vem, já pesando em Sainz que vai pilotar uma Ferrari o ano que vem e que só tem uma vaga na Racing, já que Stroll é filho do dono e na minha opinião é um ótimo piloto.

Desempenho bom do carro rosa com motores Mercedes.


Ferrari consegue um quarto lugar com o Leclerc enquanto Vettel continua com problemas para fazer boas corridas

É "chover no molhado" falar sobre a péssima fase da Ferrari que se reflete até em outra equipe que usa seus motores, a Alpha Romeo. Mas Leclerc conseguiu superar isso e fazer uma 5° colocação, pensando na temporada da equipe é uma ótima colocação, apesar do piloto ter que levar seu carro com apenas uma parada. Já Vettel novamente foi mal, no começo errou e perdeu nove posições e depois não conseguiu fazer muita coisa. A fase da Ferrari me faz pensar que a equipe logo perderá seu quarto lugar na classificação de construtoras.


Os 10 primeiros e as próximas corridas da temporada

Além desses pilotos que falei, completando o top 10 estão Ocon, Norris e Kvyat, sendo o 8°, 9° e 10° respectivamente. Nessa corrida tivemos 7 equipes diferentes pontuando e as próximas corridas definiram muita coisa. A próxima é na Espanha e já é nesse próximo final de semana.



📷 tiradas do Instagram: (@f1brasil_2020), (@redbullracing), (@racingpointf1), (@scuderiaferrari), (@mercedesamgf1) e (@maxverstappen1)